[:pb]Como criar um blog poderoso para seu negócio?[:]

[:pb]Como criar um blog poderoso para seu negócio?[:]

[:pb]Se você chegou até aqui, muito provavelmente sabe da grande importância que o conteúdo tem quando o assunto são negócios. O que você talvez não saiba é que esse conceito não se aplica, apenas, na internet, ele vem de muito antes, desde o marketing off.

Ter um bom conteúdo é um dos requisitos principais se você deseja:

– Atrair mais clientes.
– Fixar sua marca.
– Estabelecer uma conexão.
– Tornar a comunicação mais próxima.
– Ser uma referência de qualidade.
– Gerar e agregar valor.

Se você pensa em criar um blog e está em busca de, ao menos, um dos itens citados acima, você está no lugar certo.

Não é de hoje que o interesse pelo conteúdo subiu, possivelmente pelos resultados apresentados por ele. Parei para pensar sobre isso e percebi que, se não forem todas, grande parte das empresas que são consagradas investem em algum tipo de conteúdo voltado para o seu público alvo.

Quando falo de conteúdo, quero dizer de materiais que enriquecem a experiência do usuário, podendo ser vídeos, e-books, artigos, infográficos, entre outros.

Pensando sob esse aspecto, pude notar que uma das primeiras coisas que surgem na mente de profissionais que querem gerar conteúdo, é criar um blog.

E o momento crítico dessa história acontece justamente nesse ponto, pois por uma certa falta de experiência específica, é difícil saber por onde começar, quais as escolhas devem ser tomadas, qual tipo de conteúdo, o que falar, entre outras coisas que acabam tornando uma atividade massiva e complexa de ser realizada. Infelizmente, por conta dessa dificuldade, muitos profissionais desistem, deixam o projeto de lado e seguem em frente, sem perceber o tamanho da oportunidade que estão perdendo.

Quando vi que isso poderia não ser um caso isolado, fiquei angustiado. Se você me conhece, ao menos, um pouco, sabe que algumas de minhas metas estão ligadas diretamente a ajudar, tanto você, quanto o nível do mercado como um todo. Achei uma oportunidade de subir mais um degrau rumo aos meus objetivos, ou seja, estudei, pesquisei, me certifiquei, debati alguns assuntos, revi outros, testei, encontrei coisas novas e sensacionais, descartei algumas coisas que não serviam e ao final, consegui criar um conteúdo interessante e que tem grandes possibilidades de te ajudar na execução dessa tarefa que, muitas vezes, pode parecer impossível.

A seguir, vou lhe explicar de forma simples e objetiva como criar um blog poderoso para seu negócio. Preparado? Espero que você possa aproveitar cada palavra aqui exposta.

Criando um Blog Poderoso

Para criar um blog, você precisa entender que ele não pode ser mais um em meio aos milhões de concorrentes, ou seja, seu blog deve ser poderoso, incrível, perfeito e só assim ele terá alguma chance de trazer bons resultados.

Você pode estar querendo me perguntar: “Tiago, o que você classifica como um blog poderoso?”.

A meu ver, um blog poderoso é aquele blog que entrega a melhor experiência ao usuário sempre, desde o acesso até a saída do blog, onde o usuário sai feliz e satisfeito por ter encontrado o que ele tanto procurava.

Um blog poderoso tem o foco, primeiramente, no usuário, não em vendas, até porque, as vendas são consequências desse tipo de marketing.

Para que você consiga criar um blog para seu negócio que seja poderoso, você precisa:

Conhecer seu público alvo: 

Não adianta! Conhecer o público alvo da forma mais profunda que puder é item obrigatório para quase todas as tarefas, ainda mais se elas tiverem interligadas com vendas, comunicação, marketing, conteúdo, audiência, entre outras. Como a aceitação depende de um público alvo, se você não conhecê-lo, dificilmente saberá do que ele gosta, do que ele precisa, dentre outras coisas necessárias para que você acerte em cheio. Por isso, estude muito bem o seu público alvo, extraia o máximo de informações deles, posso te garantir que esses dados lhe ajudarão nas próximas etapas da tarefa de criar um blog poderoso para seu negócio.

Ter uma plataforma bonita: 

Parece até um item muito básico, mas não é. Muitos profissionais se esquecem de cuidar do seu ambiente eletrônico e isso ocasiona problemas com a experiência do usuário. A regra é simples, quando você vai a uma loja física, você gosta de ser bem recebido, não é verdade? De entrar em uma loja muito bem ambientada, com os produtos expostos de maneira agradável visualmente, que você possa ter acesso a informações de maneira rápida, dentre outras coisas. Porque você acha que seria diferente quando alguém entra em um blog? Não é diferente, posso te assegurar, portanto, tenha uma plataforma bonita, um blog agradável, utilize as cores da sua marca, se você quiser, mas se forem fortes, suavize-as. Não use textos com cores fortes, confira as preferências do seu público alvo e solte a imaginação e a criatividade.

Oferecer boa navegabilidade: 

Esse item está diretamente ligado ao anterior, pois ele pode dizer muito sobre a experiência do usuário. Aqui, a diferença é que para garantir a boa navegabilidade, você precisa ser um pouco mais técnico. Você deve verificar se as fotos estão carregando rapidamente, o tempo de carregamento das páginas, qual a organização do seu blog, se é fácil encontrar as informações procuradas, quanto tempo o usuário demora até encontrar o que procura, dentre outros pontos para garantir a entrega da melhor experiência possível.

Ter uma linguagem adequada: 

Quando eu disse que estudar o público alvo era importante e com certeza iria te ajudar nas próximas fases, não era mentira, até porque esse é um exemplo do que te afirmei. Você sabe, para comunicar através de um conteúdo, existem diversas formas de linguagem, desde as mais sérias, até as mais descontraídas, portanto você deve verificar qual é a forma de linguagem que você pode utilizar em seus conteúdos e que se aproximam da linguagem do seu público alvo. Quando você aproxima a linguagem ao do seu público, automaticamente uma conexão benéfica é gerada.

Falar sobre assuntos variados e interessantes: 

Talvez, essa seja a fase que mais gera dificuldade em quem está começando um blog para seu negócio. Tenho certeza que a pergunta frequente é:

“E agora, o que eu vou falar?”. Seguida da resposta:

Já sei, vou falar da minha empresa, de como são nossos valores, como ela surgiu.

NÃO! Você está fazendo um blog poderoso e não um site empresarial. O blog, apesar de ser da empresa, não deve se tratar, apenas, da empresa. Você deve procurar assuntos que acercam o tipo de interesse do público alvo da empresa. Por exemplo:

Você tem uma empresa que vende frutas.

No seu blog você deverá escolher conteúdos que abordam temas diversos, mas que estão ligados ao produto que você vende, por exemplo: Faça um delicioso shake com morangos, Descubra os poderes da maçã, Como utilizar a banana na dieta, etc.

Conseguiu captar a ideia? Você continua ligado a sua empresa, mas oferece materiais que enriquecem o seu produto, sem vender diretamente.

Esquecer assuntos empresariais técnicos: Como eu já te disse acima, você está criando um blog poderoso, que gere valor, engajamento acerca dos assuntos tratados, que gere interesse e, portanto os assuntos não devem ser sobre a sua empresa de maneira técnica, como história do surgimento dela, qual o material utilizado, nada dessas coisas. Deixe essas informações para o site empresarial.

Incentivar o engajamento: Para que seu blog tenha cada vez mais acessos e cresça dia a dia, você deve incentivar o engajamento, a interação, ou seja, os comentários, abrir debates, discussões, chamar as pessoas para participarem. Uma ótima maneira de fazer isso é acrescentando call to action nos seus conteúdos.

Mostrar-se acessível: Esse item é de extrema importância, pois o blog tem uma característica principal de aproximar as relações empresa/público, mas para isso você precisa contribuir de maneira ativa, ou seja, responda os comentários, apareça para contribuir nas discussões, agradeça ao público, fale diretamente com os usuários. Você verá que os resultados começarão a surgir.

Agora chegou o momento de você colocar a mão na massa, realizar testes e começar a aplicar tudo que aprendeu. Espero ter conseguido me fazer claro na entrega das informações. Se você ficou com dúvidas, entre em contato comigo, lhe responderei pessoalmente, o mais rápido possível.

Fonte: http://mestredoadwords.com.br/[:]

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Preciso potencializar minhas vendas!