Facebook e Instagram anunciar na duas plataformas é a mesma coisa?

Facebook e Instagram anunciar na duas plataformas é a mesma coisa?

Anunciar no Facebook e Instagram é a mesma coisa, já que as duas redes estão intimamente ligadas. A resposta é não. Existem pontos onde os anúncios convergem e outros onde eles diferem, e as vezes, de maneira radical.

Neste artigo vamos das uma olhada nas semelhanças e diferenças entre as duas plataformas e como as marcas devem se adaptar para tirar o maior proveito de suas ações nestes dois canais.

 

Onde os anúncios no Facebook e Instagram convergem

Para analisarmos a dúvida sobre se anunciar no Facebook e Instagram é a mesma coisa, no que diz respeito a conteúdo e formato, vamos começar vendo alguns pontos convergentes entre as duas plataformas, que nos permitem replicar a estrutura dos anúncios feitos em uma delas, na outra e vice-versa.

 

Mensagens curtas e objetivas

Embora a formatação dos anúncios precise ser devidamente adaptada para cada plataforma, como veremos em mais detalhes adiante, as mensagens curtas e objetivas, funcionam muito bem, tanto no Facebook quanto no Instagram.

Portanto, se um anúncio no estilo “papo reto” funcionou muito bem no Facebook, deverá funcionar também no Instagram, com a vantagem de você poder atingir um público que talvez não tenha sido impactado na versão para Facebook.

Imagens de sucesso

Se você utilizou uma imagem em um anúncio no Facebook que foi um sucesso, vale a pena replicar no Instagram. Não faz o menor sentido reinventar a roda, uma vez que as duas plataformas utilizam a mesma segmentação.

Reutilizar esta imagem em um anúncio no Instagram Ads é aproveitar a indicação do anúncio anterior, que o impacto dela e intenção de comunicação estão certos. A preferência das duas plataformas é muito parecida, portanto, é de se esperar os mesmos resultados.

Tipos de anúncio de melhor desempenho

Outro ponto onde anunciar no Facebook e no Instagram é a mesma coisa é no que diz respeito aos formatos de anúncios de melhor desempenho. Se você criou um anúncio no Facebook Ads com o formato Carrossel e deu certo, vale a pena reproduzi-lo no Instagram.

Os anúncios de vídeo, que fazem muito sucesso no Facebook, também já estão disponíveis no Instagram e por isso, são mais uma opção de formato. Outra opção é aproveitar esse conteúdo para criação de Stories.

É importante realçar que tudo que foi dito aqui sobre anúncios no Facebook e Instagram, é válido também no que diz respeito a publicações orgânicas que resultam em bons resultados.

 

Onde os anúncios no Facebook e Instagram são divergentes

Vamos ver agora em que pontos os anúncios no Facebook e Instagram são divergentes. Essa é uma lista quase tão extensa quanto a anterior, em grande parte em função de algumas diferenças entre o público das duas plataformas.

Na minha opinião. Esta diferença se dá, na maioria das vezes, pelo fato dos usuários do Facebook terem um perfil um pouco mais maduro que os do Instagram. O que gera reações distintas a um mesmo conteúdo apresentado em ambas as plataformas.

 

O smatphone é ainda mais importante no Instagram

Os acessos com origem em smatphones e outros dispositivos móveis. São percentualmente, a maior fonte de tráfego do Facebook atualmente. E no caso do Instagram eles representam 100% do tráfego.

Por isso, as Landing Pages de anúncios no Instagram deve ser também 100% responsivas. Ou seja, otimizadas para a exibição em dispositivos móveis. Para que você possa extrair o máximo dos seus anúncios em termos de conversão.

Uma dica é quando você tiver públicos segmentados idênticos no Facebook e Instagram, tomar nota de onde eles estão se convertendo melhor e use usar essa informação na hora de direcionar o orçamento entre as duas plataformas no celular.

As métricas de desempenho nem sempre são iguais

Algumas empresas conseguem um Click Through Rate – CTR melhor no Instagram. Mas em outros casos, percebemos uma taxa de conversão menor. Na maioria das vezes, em função de uma Landing Page mal estruturada para os anúncios no Instagram.

Quando essas páginas de destino de campanha são otimizadas para dispositivos móveis. Como smartphones e tablets, percebemos que as taxas de conversão se aproximam das obtidas no Facebook. Mas mesmo assim, de maneira geral, um pouco menores.

Os usuários do Instagram respondem a diferentes CTAs

Outro cuidado que devemos ter com os anúncios no Instagram, diz respeito ao Call to Action utilizado nas campanhas. Pesquisas apontam que até 90% da base de usuários do Instagram tem menos de 35 anos.

Isso significa que estamos trabalhando com um público extremamente jovem. E consequentemente, com um poder de compra ligeiramente inferior ao que encontramos no ambiente do Facebook.

Por isso, Calls to Action do tipo “Saiba mais” e “Inscrever-se” se mostram mais eficazes para nossos clientes do que uma chamada direta para comprar algo. O público do Instagram está mais focado no engajamento do que na compra.

 

Resumindo

Como vimos, se a sua dúvida era se anunciar no Facebook e no Instagram é a mesma coisa, ficou claro que não. Mas o que podemos concluir de tudo o que foi exposto?

Embora sejam plataformas que em última análise têm perfis diferentes. Existem poucas estratégias de anúncios no Facebook que se forem copiadas e reproduzidas no Instagra. Respeitando-se as diferenças entre plataformas, não terão um resultado parecido.

Porém, é importante ressaltar, que pelo menos no estágio atual, em função das opções de segmentação de público oferecidas, os anúncios no Facebook ainda levam vantagem sobre os anúncios no Instagram.

Da próxima vez que perguntarem a você se anunciar no Facebook e Instagram é a mesma coisa. A resposta bem que poderia ser… é, mas ó que não.

 

Matéria completa:
www.academiadomarketing.com.br/anunciar-no-facebook-e-instagram-e-a-mesma-coisa/
O conteúdo publicado aqui é espelhado de um conteúdo original que pode ser visualizado no link acima.

 

 

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Preciso potencializar minhas vendas!