Metodologia, especialização e portfólio: Saiba como escolher a sua produtora digital.

Nas produtoras digitais e no mercado de economia criativa em geral, ideias são jorradas a todo o momento para o desenvolvimento das peças e produtos: quanto mais inovador, melhor. Mas brilhantes sacadas não bastam, é fundamental ter uma metodologia eficaz, profissionais especializados e um portfólio relevante.

Após todo o planejamento, com o mapeamento das necessidades do cliente e a produção do layout, que é o visual do site, hotsite ou aplicativo, chega o momento de inserir conteúdo, criar o código HTML (front-end), o banco de dados e a estrutura por trás (back-end), e testar muito até garantir o controle de qualidade (Quality Assurance – QA). Tudo isso faz parte do processo de Desenvolvimento de um projeto.

Se os processos não forem bem gerenciados, com etapas bem definidas, o resultado não sai de acordo com o esperado pelo cliente. Com uma metodologia eficiente, é fundamental possuir especialistas para cumprirem os prazos, além de ter um portfólio para certificar a experiência e a qualidade dos trabalhos.

Confira cada etapa do processo de desenvolvimento:

Front-end

É a transformação do layout em códigos HTML para conversar com o banco de dados a ser criado, avaliando a navegabilidade de um projeto digital. Podemos aplicar a interação de diferentes cores e efeitos por meio dos scripts, para analisar as transições de páginas e verificar qual funcionalidade dá melhor resultado ao projeto.

Back-end

A equipe de Back-End cria toda a estrutura de tecnologia necessária nos bastidores para atender os requisitos do projeto, tais como infraestrutura, banco de dados e painéis gerenciais. Esta etapa muitas vezes só ocorre após o Front-End estar finalizado, porém não possui impedimento de iniciar ao mesmo tempo se o escopo do projeto estiver muito bem definido.

Integração

A plataforma escolhida e a infraestrutura por trás dos projetos precisam estar alinhados com o front-end. Em um e-commerce, é o momento de conectar as páginas desenvolvidas com o gateway de pagamento e outras ferramentas. Nesta etapa é feita a integração entre todo o Back-End com o Front-end, de modo a dar real vida ao projeto e todas as suas funcionalidades. A junção dos códigos é extremamente delicada, é hora de ter muito cuidado para tudo funcionar perfeitamente e fechar o processo de construção. Além desta etapa ser fundamental para a junção de todas as tecnologias, todo o material também é aplicado, tais como, textos, imagens e vídeos. Nesta etapa é fundamental todo o conteúdo estar pronto e produzido de acordo com toda a premissa de planejamento e design inicial.

Quality Assurance

Testar, testar, testar. Antes de entregar o produto ao cliente, é necessário verificar minuciosamente a navegação e interação, checar a lista completa do que foi pedido no planejamento inicial e no design. Não existe uma regra que defina que o QA deva ser feito apenas no final. Pode ser feito a cada etapa ou funcionalidade concluída, depende da complexidade do projeto. Depois que a qualidade é certificada e homologada, é a vez do cliente. Ele recebe a peça pronta, faz seu próprio teste e, se necessário, aponta o que for necessário e deixa seus comentários. Se estiver OK, o projeto está pronto.

 

fonte: http://www.proxxima.com.br

 

 

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Preciso potencializar minhas vendas!