[:pb]O que Procurando Nemo pode te ensinar sobre marketing[:]

[:pb]O que Procurando Nemo pode te ensinar sobre marketing[:]

[:pb]Para falar de erros, trago uma mensagem presente no filme “Procurando Nemo”. Nesta obra, o peixe-pai tenta de qualquer forma evitar que seu filho erre e sofra com as adversidades da vida. Esse comportamento é resultado de uma falha do passado que resultou na morte de sua esposa.

Nemo (o peixinho), curioso com aquilo que o mundo poderia oferecer, se lança em uma aventura, na qual é capturado por pescadores e vai parar em um aquário, longe de sua família. A partir daí se inicia uma busca cheia de aprendizagens, por parte do pai, para encontrar o filho.

Quando erramos, o sentimento de fracasso vem à tona, e se torna difícil pensar de forma racional e aprender com o “bendito” deslize. Charles Dickens afirma que “cada fracasso ensina ao homem algo que ele precisa aprender”. No universo dos negócios, a falha é uma condição que pode ser constante, principalmente em tempos de incertezas econômicas, sociais e tecnológicas, as quais influenciam no comportamento de consumo.

Com relação às estratégias de marketing, muitos empreendedores se perguntam: “Fiz uma péssima campanha. E agora?”.

Não existe melhor resposta para essa pergunta, como aquela presente na letra da música interpretada por vários sambistas: “Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima”. E, continuo a parafrasear a canção, diante de uma estratégia de marketing errada, não adianta tentar esconder, pois é perceptível. Mas lembre-se, de acordo com esta obra: “Um homem de moral não fica no chão”.

Dessa forma, buscar o aprendizado e a inovação é a saída para converter o fracasso em sucesso. O empreendedor deve se empenhar na compreensão conceitual do que é marketing. Normalmente, este conceito é confundido com o de publicidade e propaganda. Assim, permito-me esclarecer:

Publicidade e propaganda são utilizadas para promover o produto ou serviço. Marketing tem um conceito mais amplo, e envolve a identificação das necessidades dos clientes, a fim de atendê-las de maneira lucrativa para a organização. É a gerência de toda cadeia que envolve o desenvolvimento inovador e criativo por meio de uma pesquisa criteriosa de mercado.

As dicas a seguir servem para entender melhor a gestão de marketing:

1- Repense o planejamento, por meio de um estudo das variáveis, sejam internas (controláveis) ou externas (incontroláveis);

2- Analise o comportamento do público-alvo para se chegar, de fato, à segmentação desejada;

3- Certifique-se de que o produto ou serviço é realmente um diferencial para o mercado pretendido. Se necessário, mude o foco;

4- Verifique se os canais de distribuição são os corretos para o momento e se eles alcançam o mercado desejado;

5- Atente-se ao erro cometido na campanha anterior, para que o mesmo não se repita na nova estratégia de publicidade e promoção do produto ou serviço. Também é necessário considerar se a ação está de acordo com o ambiente cultural, social e ético da segmentação pretendida;

6- Por fim, refaça todo o processo circular de planejar, criar, implementar e analisar os resultados das ações para alcançar os objetivos.

Caro empreendedor, lembre-se que buscar ajuda de um profissional é uma alternativa segura para garantir o sucesso da sua campanha. Para o mundo dos negócios, a otimização de recursos é essencial na sobrevivência da empresa.

Não tenha medo de se lançar em novos mercados, um pouco de cautela e estudo prévio é importante para minimizar os resultados negativos que podem surgir. Lembre-se, a ousadia do peixinho Nemo fez seu pai conhecer novos mares, estabelecer parcerias e repensar a criação do filho.

Saiba que o verdadeiro empreendedor é aquele que quando comete um erro, “reconhece a queda e não desanima. Levanta, sacode a poeira e dá volta por cima”, pois as brilhantes oportunidades de acertos estão disfarçadas pelos erros. 

Fonte: http://exame.abril.com.br

 

 [:]

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Preciso potencializar minhas vendas!