Como eliminar o uso indevido da sua marca no Adwords?

Como eliminar o uso indevido da sua marca no Adwords?

Com o crescimento da plataforma de links patrocinados do Google, o Adwords, a concorrência chegou à níveis exorbitantes e como em qualquer lugar, algumas práticas não muito profissionais são realizadas.

Por mais que o Google tenha o maior cuidado em “fiscalizar” as más práticas, há relatos de anunciantes dizendo que foi prejudicado por táticas um tanto quanto duvidosas de seus concorrentes.

Uma das reclamações mais frequentes quanto a isso, envolvem o uso indevido de marca no Adwords.

Por exemplo:

– Nós, aqui, temos a marca “Mestre do Adwords”. Certo?
– Então podemos anunciar com esse termo, mas meu concorrente não, afinal, trata-se de uma marca.
– Sabendo da grande captação de leads qualificados através dessa palavra-chave, ele passa a utilizá-la.
– Essa ação, faz com que o nosso tráfego acabe chegando a ele, mesmo que a marca dele não trate de assuntos relacionados ao termo.

Consegue perceber a tática? O autor da ação não visa resultados melhores com o termo, ele pretende eliminar um concorrente, direcionando o tráfego a partir da palavra-chave com alto poder de conversão.

O que acontece no Adwords é que mesmo não sendo algo correto na prática, qualquer anunciante pode simplesmente “comprar” o termo que corresponde exatamente à sua marca ou ainda mencionar o seu material.

Você pode estar pensando: “Eu sei que o Adwords não permite isso, colocando a ação até mesmo como falta grave”.

Sim é verdade, mas na realidade ele só pode controlar marcas que estão devidamente registradas no Instituto Nacional de Propriedade Industrial ou previamente reclamada e aprovada no Adwords.

É complicado, mas se você está sofrendo desse mal, nós, do Mestre do Adwords, iremos lhe ajudar a eliminar o uso indevido da sua marca no Adwords a partir desse conteúdo.

Vamos juntos?

#Adquira sua marca no Adwords

Não tem jeito, se você quer diminuir ao máximo o risco de outros anunciantes utilizarem a sua marca no Adwords de maneira indevida, será imprescindível que você adquira a palavra-chave que corresponde à ela no Adwords.

Você pode querer perguntar: “Isso vai proibir que outros a utilizem?”.

Infelizmente não, mas essa já é uma excelente medida de segurança, uma vez que, se alguém utilizá-la, você também aparecerá na pesquisa. Apontando, ao menos, um indício de que algo não está correto.

Sem contar que essa será uma prova que você poderá utilizar ao apontar à fraude ao Google. Certo?

#Verifique as exibições de anúncios através da sua palavra-chave

Infelizmente, esse tipo de prática é bastante comum, até porque nem todos os anunciantes acompanham com frequência a exibição de seus anúncios no Google, afinal, isso pode impactar diretamente na qualidade dos seus resultados.

Sem contar que também há a possibilidade do anúncio não aparecer para você, devido à diversos fatores que determinam ou não a exibição para o perfil de usuário.

O problema é que não tem muito o que fazer quanto à descoberta do uso indevido do termo, se não for verificar pessoalmente, através de pesquisas da palavra-chave em questão no Google.

Por isso a indicação para eliminar o uso indevido da sua marca no Adwords é realizar pesquisas no Google a partir do termo em questão, claro, com cuidado para não gerar cliques inválidos, diminuir a relevância e prejudicar o desempenho das campanhas.

Agora, se você descobrir em meio às pesquisas, alguém usando a sua marca, basta que você recorra ao Google, indicando o problema o mais rápido possível para que o seu nome não seja prejudicado.

#Reclamação da marca no Adwords

Bem, se você descobriu que o seu concorrente tem utilizado a sua marca sem autorização ou tem intenção de fazer isso em algum momento, você pode e deve se proteger.

A primeira ação ao alcance de suas mãos é utilizar o próprio Adwords. Só que para isso, será preciso que a sua marca já esteja com o registro aprovado no Instituto Nacional de Propriedade Industrial, o INP, órgão regulador desse tipo de posse aqui no Brasil.

Tendo esse requisito à seu favor, basta ir até a plataforma e acessar a página de Reivindicação.

Nela, você fará o relato sobre o uso indevido da sua marca, indicando o local onde está sendo utilizada, quais termos devem ser bloqueados, dentre outras informações pertinentes que podem ajudar ao Google identificar a infração.

Nesse caso, o Google costuma agir com rapidez, lhe dando um posicionamento sobre a sua reclamação.

#Utilize a legislação ao seu favor

Nós acreditamos fortemente no poder do Google Adwords em solucionar essas questões, afinal, nós que anunciamos sabemos bem que esse tipo de prática e tratada com muito rigor, acarretando, em alguns casos, em até perda de conta por parte do infrator.

Por outro lado, por se tratar de um assunto que envolve muitos riscos ao negócio que tem sua marca utilizada indevidamente, como:

– Perda de autoridade.
– Baixa na conversão.
– Diminuição de Tráfego.

Dentre outras coisas que podem destruir uma empresa em pouco tempo, nós precisamos lhe dizer que se o Google não solucionar essa questão rapidamente, você pode utilizar a legislação ao seu favor.

Erros de interpretação não estão imunes à ninguém, certo? Então o Google pode sim tomar uma decisão equivocada…

Para esses casos, você deve procurar agir de modo legal, isso quer dizer, procurando o seu direito junto à constituição, movendo uma ação contra a empresa que utiliza anúncios com violação de direitos autorais ou de posse, pedindo, é claro, a suspensão da veiculação deles e do bloqueio da utilização sem autorização do termo junto ao Google.

Se o problema evoluir a esse nível, é interessante procurar o auxílio de advogados especializados em negócios digitais. Eles poderão lhe orientar de maneira mais assertiva, garantindo que seus direitos sejam assegurados.

#Como pedir autorização de uso da marca

Talvez você esteja querendo saber como funciona o outro lado da história, que é como funciona a liberação do uso de uma marca que está protegida perante o Google Adwords. Certo?

Você já deve ter percebido que algumas marcas muito famosas não permitem que você compre as palavras-chave delas, ou seja, que correspondem diretamente ao nome de suas marcas.

Por exemplo:

– Imaginemos que você tenha uma loja de tênis.
– Então você quer criar um anúncio para divulgar uma promoção de tênis da Nike.
– Só que ao enviar o anúncio todo correto para aprovação, dentro das normas da plataforma, o Google rejeita.

Isso quer dizer que a marca tem o uso restrito e para utilizá-la, será necessário pedir autorização prévia.

Para isso, basta entrar em contato com quem solicitou a restrição, no caso, o correspondente legal da marca no Brasil.

Ao estabelecer a comunicação, você deve informar o seu código de identificação do Adwords e pedir a liberação.

A partir disso, o dono da marca liberará o uso através de um formulário de autorização de terceiros com o Google Adwords, informando seu ID.

Esse processo é o mesmo que acontecerá com você, a partir do momento em que a sua marca estiver com uso restrito na plataforma de links patrocinados do Google, ou seja, se alguém quiser utilizá-la terá que pedir liberação prévia à você e só se for realmente válido, você poderá liberar o uso junto a uma solicitação ao Google Adwords.

Pronto! Agora você já sabe como eliminar o uso indevido da sua marca no Adwords. Esperamos que esse conteúdo tenha sido expressivamente relevante.

Ficou com alguma dúvida? Então entre em contato conosco a partir dos comentários abaixo ou pelas redes sociais do Mestre do Adwords. Será um prazer enorme poder lhe ajudar.

Desejamos-lhe sucesso sempre, a gente se vê por aí!

Ref: http://mestredoadwords.com.br

 

 

Fechar Menu
Como podemos ajudar ?